Você está em » Política
Em 26/08/2016 17:58:00
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou os dados estatísticos dos candidatos que vão disputar os cargos de prefeito e vereador nos 224 municípios do Piauí nas eleições de 2 de outubro, e apontou que 19,87% dos políticos que solicitaram registro de candidatura no Piauí não possuem o ensino fundamental completo. Isso corresponde a 1.983 candidatos, nos 224 municípios do Estado. E 23% dos candidatos declararam que mal sabem ler e escrever
Segundo as estatísticas do TSE, quase 20% dos candidatos do Piauí não possuem ensino fundamental completo. Em Caraúbas, por exemplo, quase 50% dos candidatos não têm ensino fundamental. Quinze dos 33 candidatos do município não possuem o ensino fundamental completo. O município de Caraúbas também possui o maior índice de eleitores analfabetos do estado. Segundo o TSE, a cidade tem 4.388 eleitores e 1.338 são analfabetos, o que corresponde a 30,49% do eleitorado total. 
A maioria dos políticos sem o ensino fundamental é composta de candidatos a vereador, que correspondem a 92,48% do total. Os dados mostram ainda que 2,52% são candidatos a prefeito e 5,14% de candidatos a vice. Pelo menos 15 candidatos a prefeito no Piauí e mais de 400 postulantes ao cargo de vereador sabem mal ler e escrever. Em Guadalupe (348 quilômetros ao sul de Teresina), 42% dos candidatos a vereador têm curso superior. 
Ou seja, dos 47 candidatos a vereador, 20 possuem graduação. Os dados, conforme a atualização do TSE, referem-se aos registros de candidatura dos 47 postulantes aos cargos. Os demais candidatos possuem superior incompleto, ensino médio e ensino fundamental. A maioria dos municípios piauienses apresenta apenas 25% dos candidatos que possuem curso superior concorrendo à Camara Municipal, segundo dados do TSE.
As estatísticas do TSE informam ainda que quase 69% dos mais de 9 mil candidatos a prefeito e a vereador no Piauí são homens.  As mulheres representam 31% do que solicitaram registro no Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI). Os dados parciais são do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os postulantes aos cargos de vereador e prefeito com idade entre 16 a 24 anos representam 4,03%, ou seja, 328 candidatos
Fonte: Diario do Povo