Você está em » Blog
Em 19/12/2012 11:54:00

  O fantástico trabalho de Socorro Waquim em Timon será sempre lembrado pelo povo timonense. Sua gestão administrativa, em dois períodos consecutivos, porquanto reeleita, foi consagrado. A reeleição legitima o administrar, enaltece o gerenciamento, e comprova a capacidade da liderança do gestor. Justamente, repito, porque a reeleição consagra o administrador e é o reconhecimento do povo ao seu trabalho desenvolvido no município. As inúmeras obras executadas, os projetos implantados e os programas sociais desenvolvidos na administração de Socorro Waquim transformaram as áreas urbanas e rurais do município e deram uma visão nova, de grandeza, à cidade. Dificilmente outra gestão fará os investimentos realizados nos oito anos da sua gestão. Entretanto, os parcelamentos do INSS, do Regime Próprio Previdenciário e os débitos com as concessionárias de energia e saneamento , serão sempre um forte desafio para os gestores públicos nos três níveis da administração pública brasileira. Acrescenta-se a eles, o gravíssimo problema da limpeza pública que desafiará todos os gestores.  Timon cresce diuturnamente e assim também os seus problemas nessas áreas. A concessão de isenções fiscais pelo Governo Federal às montadoras de veículos, bem como à linha branca: fogões, geladeiras... enfim, aos eletrodomésticos, tiveram forte conseqüência negativa na arrecadação dos 5.565 municípios brasileiros, gerando dificuldades financeiras para os administradores.   A Profª. Socorro Waquim teve a alegria de administrar um dos 200 maiores municípios brasileiros. E de transformar o seu perfil administrativo, político, social, cultural, comercial e industrial. As árvores voltaram a flori em Flores e/ou Timon e a exalar seu odor natural no município pelo crepúsculo das novas realizações de Socorro Waquim. A cidade de Timon cresceu e desenvolveu-se muito nesses oito anos de sua gestão. O seu PIB aumentou bastante. O comércio, a indústria e o setor de serviços tornaram o município mais rico. As condições econômicas são outras. O povo timonense melhorou de vida e sua autoestima é outra. Três shoppings centers estão se instalando no município, o que demonstra o interesse de grupos empresariais por esse novo pólo de desenvolvimento do estado do Maranhão. A conclusão do sistema de esgoto sanitário, a melhoria dos índices educacionais, ampliação do sistema de saneamento de água, ampliação da infraestrutura física e social, enfim, com certeza, projetam as condições de continuidade da gestão para que o desenvolvimento seja preservado e ampliado e a população beneficiada com fatores econômicos e sociais sustentáveis. Portanto, repetindo: as árvores voltaram a flori em Flores e/ou Timon e a exalar o seu odor natural no município pelo crepúsculo das novas realizações de Socorro Waquim. E pela maturidade de seu povo que sempre desejará mudança, dentro das regras democráticas, com alternância de poder e de líder, que só assim fortalecem e consolidam o espírito democrático de um povo, com aqueles ideais que nortearam a revolução francesa: de igualdade, de fraternidade e de solidariedade. O prefeito eleito, certamente, está recebendo uma cidade ampliada nas áreas sociais e físicas, com condições de moradia muito melhor, mas, como não podia deixar de acontecer, ainda com graves problemas. Os movimentos sociais e migratórios ocupam espaços públicos e áreas privadas constantemente. A cidade cresceu, porém, também os seus problemas, que são comuns a todos os municípios com a sua magnitude. O sistema de esgoto sanitário está sendo ainda implantado. Não foi possível concluí-lo. É a maior obra de infraestrutura física e social iniciada na gestão Socorro Waquim.   As instituições federais atrasam as transferências dos recursos e as empresas privadas também atoladas nas suas espertezas impediram a implantação completa do Sistema de Esgoto.