Brasil aumenta produção e passa para a oitava posição no ranking da energia eólica